A gravidez dura mais que nove meses?

Sim, segundo teoria da exterogestação a gravidez não dura apenas 9 e sim 12 meses, isto porque que este último trimestre acontece fora da barriga da mãe. Criada pelo  antropólogo Ashley Montagu, ele explica que os bebés nascem muito imaturos.

Para desenvolver essa teoria, Montagu analisou os bebés humanos em comparação a outros mamíferos, pesquisou a evolução do ser humano ao longo da História. Ao constatar que a gestação das mulheres ficou mais curta quando os seres humanos passaram a ser bípedes, Montagu elaborou a tese de que os três primeiros meses de vida do bebé depois do seu nascimento podem ser considerados um prolongamento da gestação fora do útero a exterogestação. 

O objetivo desse método é respeitar ao máximo o tempo de adaptação do recém-nascido ao novo mundo repleto de descobertas. E para amenizar o impacto destas mudanças, faz uso de técnicas que lembram a vida do bebé dentro do útero, são elas:

 

❤️Colo/ toque
A sensação de proteção e o calor humano, transmite tranquilidade e aumenta o bem-estar do recém-nascido. Utilizar o sling é uma excelente opção para que o bebé sinta a sensação uterina por mais tempo, isso acontece graças ao fato que o bebé fica em constante contacto com a pele da mãe ou do pai.

💡Iluminação
Como dentro do útero não existe uma fonte de luz, após o nascimento do bebé os ambientes devem ser mantidos com luz baixa na maior parte do tempo. Além de não agredir os olhos da criança, isso pode deixá-la mais calma.

🛏Cama compartilhada
Esta teoria propõe que o bebé durma na cama com os pais durante os seus primeiros meses de vida, ou então num berço acoplado à cama.
.
🤱Amamentação
O aleitamento materno exclusivo em livre demanda simula a conexão do bebé com a mãe por meio do cordão umbilical, que lhe fornecia uma fonte constante de nutrientes dia e noite.

🥁Ruídos
Dentro do corpo materno, havia uma série de sons repetitivos e rítmicos que indicavam a presença da mãe.
.
🛁Banho de shantala
O segredo está na banheira especialmente criada para essa técnica, que lembra um balde. No banho de shantala, o espaço menor e com água morna faz com o que o recém-nascido se lembre dos nove meses que passou na barriga da mãe e relaxe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *